Ágora com dazibao no meio

Prolegômenos, (re)flexões e nadas, de todo tipo.

Sexta-feira, 30 de março de 2012

| 4 Comments

Sim, é fato que morreram figuras célebres na semana passada.

Verdade, não dá para ficarmos quietos quando um bando de viúvas da ditadura querem comemorar 31 de março de 64 como se tivessem salvado o país e não feito um estrago de proporções mastodônticas.

Sério, não há como ficar indiferente ao ver uma vestal como o Demóstenes Torres, o arauto da moralidade do DEM, ser flagrado no maior chamego com um contraventor de carteirinha (e mostrando-se tão contraventor quanto).

Concordo, as contradições e retrocessos do governo Dilma são um desgosto danado, especialmente para os que (como eu) votaram nela.

Mas mesmo sabendo de tudo isso (e de uma ou outra coisa a mais), estando razoavelmente atento aos movimentos do nosso tempo, constato que o meu próprio tempo, dimensão, território e crítica são outros. É do Complexo do Alemão, de suas pessoas, projetos, riqueza, violência, afetos, tensões, tráfico, desconfiança, ignorância, saberes, esperteza, solidariedade, orgulho, simpatia, beleza, intolerância, impertinência, temperança e mais trezentos e quarenta e nove mil outros atributos que falo. São eles que me ocupam, que tomam a maior parte de quem sou. E o Brasil? E o mundo? Por sorte têm quem cuide deles. Além disso, sou um só, pouco tem sobrado de mim e ainda por cima tenho muito o que fazer. Ou seja, a bola seguirá com vocês e continuarei não lhes fazendo falta. Mas se acontecer do calo apertar e precisarem de uma mãozinha, eu volto. Só não aparecerei sozinho, porque um monte de novos amigos lá dos lados de Bonsucesso, Inhaúma, Penha e que tais vão querer vir comigo. E sem eles nada feito, combinado?

Be Sociable, Share!

4 Comments

  1. Pingback: Ricardo Cabral

  2. Pingback: O Pensador Selvagem

  3. Pingback: Daniel

  4. Salve, meu caro Ricardo!

    Escrevo para matar a saudade de teu blog e para dizer que O(s) Fim(ns) da História renasceu sob novo formato, agora no seguinte endereço:

    http://ofimdahistoria.wordpress.com

    Abraços!

Leave a Reply

Required fields are marked *.